6 de dezembro de 2012

Psicologia, volta estás perdoada!


Já tinha vindo a pensar no que sinto falta de quando trabalhava num serviço tipo uma medicina pois o meu departamento não é de todo o “convencional” para uma pessoa que acaba de se formar em Portugal. Daí muitas vezes ter dado comigo a pensar que tinha saudades de certas técnicas de Enfermagem (por exemplo, puncionar ou tratamento de feridas) mas que ao mesmo tempo sei que se saísse do meu departamento ia ter saudades da adrenalina e de estar na linha da frente de muita coisa. 
Então apercebi-me que mais do que trabalhar numa medicina, tenho imensas saudades de Psicologia. Pode não ser das aulas em si mas desde que comecei a estudar Psicologia sempre foi uma daquelas disciplinas (porque eu ainda cheguei a ter como disciplina no secundário) em que estudar não me custava, aliás sempre preferi mil vezes estudar um calhamaço de Psicologia a outra coisa qualquer. A única coisa que não gostava era de decorar autores mas também nunca gostei de decorar nada, por isso é defeito meu. 
Infelizmente, sei que não poderei seguir Psicologia (do género, pós-graduação ou mestrado) no meu departamento, pelo menos não de forma comparticipada. Só isso dá-me vontade de mudar mas por outro lado…

5 comentários:

Pretty in Pink disse...

Váaa não penses nisso, pode ser que consigas juntar o útil ao agradável ;)

Beijinho*

Little Girl disse...

Vim aqui encontrar uma pessoa com a mesma profissão que eu! já reparei que estás por terras inglesas, eu optei por cá ficar mas já pensei mandar-me para aí, falta-me a coragem! Mas o que te queria dizer, era que eu por acaso gosto mais da parte técnica da Enfermagem, apesar que a psicologia tem muita presença no lidar com o doente! beijinhos e boa sorte

Patrícia disse...

Eu adorava tirar psicologia mas ultimamente ando desanimada com a média :x

Noa disse...

A adrenalina deve-te fazer falta :P

Nobre Sandra disse...

:) Sou psicóloga e gosto imenso de psicologia sim, é cativante :)

http://nobresonho.blogspot.pt/