30 de novembro de 2016

My first British wedding


Na semana passada, eu e o Mais-que-Tudo fomos ao nosso primeiro casamento camóne. A minha amiga Becky casou-se e mal recebi o convite a primeira coisa que me disse foi que teria que usar um chapéu para o casamento, LoL. Mas já lá vamos... Vou primeiro dizer-vos as diferenças de um casamento camóne de um casamento tuga.
Em primeiro lugar, há vários tipos de convidados: as pessoas convidadas só para a cerimónia na igreja, pessoas convidadas para o dia inteiro e pessoas convidadas só para a parte da noite (pós-refeição no copo-de-água). Nós fomos convidados para o dia inteiro, que começou com a aventura de conduzir no lado errado da estrada (e do carro, uma experiência que contarei noutro dia) até à Igreja.
A Igreja, reparei que estava bastante simples em termos de decoração mas quando olhei em redor percebi o porquê, a grandiosa igreja era lindíssima que mais parecia uma catedral, cheia de detalhes e antiguidades. À entrada da mesma, os convidados recebem um livrozinho com a fotografia dos noivos e o serviço do casamento.
O casamento em si, a cerimónia, tanto eu e como o Mais-que-Tudo gostamos imenso pois se durou 30 minutos foi muito, o que tornou a cerimónia bonita, leve e cheia de significado pois os noivos incluíram os seus votos na cerimónia.
Depois de algumas fotos à saída da igreja  e de os convidados coordenarem o lançamento de confettis, fomos todos em direcção aos nossos carros para ir para o copo-de-água, em especial os noivos num carro-antiguidade muito bem decorado.
Na quinta onde iria decorrer o copo-de-água, fomos recebidos pela mestre de cerimónias com mimosas. Sim, um casamento camóne tem um mestre de cerimónias, um género de mordomo com um martelo para anunciar que o salão está aberto, discursos, corte do bolo, etc.
Outra coisa, não há cá casaco do noivo a arrebentar pelas costuras de envelopes, há toda uma caixinha ou mesa onde se coloca os envelopes ou outras prendas para os noivos.
A comida não é como os casamentos tugas, em que se passa 3 dias de fome para se entulhar de comida no dia de festa. É uma coisa bastante mais sóbria, LoL. Por falar em sóbrio... as bebidas não são estilo "bar aberto", por mesa há direito uma ou duas garrafas de vinho e depois o bar está aberto para se comprar bebidas.
Por fim, claro que há o bolo da noiva mas há também o bolo do noivo, que normalmente é uma coisa muito mais informal e divertida, como neste exemplo era do super-herói favorito do noivo. Houve também o belo do fogo de artifício, que tendo em conta que é Novembro estava um belo dum griso (passo a expressão transmontana para um frio do catano).


O vestido eu já o tinha mencionado numa das cruzadas depois foi só arranjar o acessório para o cabelo. Nos casamentos dos camónes há a tradição (como já devem ter visto em filmes ou até mesmo quando o príncipe William e a Kate se casaram) de usarem chapéus ou apliques no cabelo, que se chamam fascinator. O meu era para combinar com o vestido por isso era uma flor toda xpto (vejam só os meus skills descritivos, hein lol).
Que quando a Becky me disse, fiquei bastante apreensiva mas depois no casamento percebi que não era a única, então já me senti mais à vontade.

Em suma, foi um dia em cheio, que em falta de mais descrição, na verdade, foi muito britânico, LoL. Acho que se eles fossem a um casamento tuga, mais precisamente da minha família, que quando se juntam os primos é o verdadeiro bacanal... eu acho que eles ficavam traumatizados, LoL.

28 de novembro de 2016

Time and time again...



Hide it like another shame
So we may start again
Reach inside and tear away
You pray now for the end
Try to find another goal, while others are erased
Feed it like another soul

Lost
Is the proof now
Wasted all again
Gone
Is our way out
Time and time again

Mourn it like another gone
Another passed away
Know that we have just begun, to forge a better day
Open like another door
It's feeling right again
Sold it like another soul

Lost
Is the proof now
Wasted all again
Gone
Is our way out
Time and time again


Nota: por acaso prefiro o primeiro ao álbum do ano passado, de Tremonti, mas a voz dele perdoa tudo! Eheheh.

26 de novembro de 2016

Property of Hogwarts School of Witchcraft and Wizardry


Uma das aquisições de quando fomos aos estúdios do Harry Potter... quem dera que não seja a última!

Já fui ver o novo filme do mundo de Harry Potter, o Fantastic Beasts and Where to Find Them. Até ao lançamento tinha pessoal amigo, até o Mais-que-Tudo, a perguntar-me, qual era a história do livro... quem leu o livro sabe bem que não havia história, portanto desta vez estávamos todos no mesmo barco e foi uma bela surpresa!
Já viram o filme? Que acharam?

24 de novembro de 2016

Já dizia o outro: um tapinha não dói...


Há algum tempo, houve alguém que me mostrou "extreme sports you haven't heard of" (desportos radicais que nunca ouviste falar) e o Slap Off Contest estava lá...

Sabem o que isto me faz lembrar? Algo que dois irmãos ou amigos fariam num domingo à tarde sem nada que fazer, para ver quem é o mais “macho”… E acabava ou com dentes partidos ou o chinelo da mãe a voar, LoL.

Isto há com cada coisa, meu povo.

22 de novembro de 2016

And the nights will flame with fire...


[Introduction: The Laughing Heart]

If you're going to try, go all the way.
Otherwise, don't even start.

If you're going to try, go all the way.
This could mean losing girlfriends,
wives, relatives, jobs 
and maybe your mind.

Go all the way.
It could mean not eating for 3 or 4 days.
It could mean freezing on a park bench.
It could mean jail,
it could mean derision,
mockery,
isolation.

Isolation is the gift,
all the others are a test of your endurance, 
of how much you really want to do it.
and you'll do it
despite rejection and the worst odds
and it will be better than
anything else you can imagine.

If you're going to try,
go all the way.
There is no other feeling like that.
You will be alone with the Gods
and the nights will flame with fire.

Do it, do it, do it, do it.

All the way, all the way.

You will ride life straight to perfect laughter, 
it's the only good fight there is.

Charles Bukowski 

20 de novembro de 2016

A falsidade do fitness


Como já vos tinha dito há algum tempo, mudei um bocado o meu estilo de vida e tornei o exercício como um elemento essencial do meu dia. Com isso vamos pesquisando e procurando muito mais... o que pode levar a frustrações pois existe muito boa gente a ganhar dinheiro com isto. 

Se pesquiso algum fitness expert vejo mais do que um par de posts, se vejo que as fotos são hiper-mega produzidas, nem sequer vejo mais. Porquê? Porque normalmente esse pessoal está cheio de manhas para mostrar um corpo que não é exactamente real, além de que muitas das vezes têm uma equipa (qual a equipa das boxes da Ferrari) a tratar do cabelo, maquilhagem e poses.
Isto das poses, então, é extremamente importante pois muitas das vezes ficamos com uma ideia errada de como o nosso corpo devia estar/ficar com aquele exercício específico ou simplesmente com a mudança de dieta.

É importante pois quando estamos a mudar de estilo de vida, precisamos de objectivos realistas, de apoio e inspiração. Não estou a dizer que procurar fitness experts é uma coisa errada, eu também o faço, simplesmente escolho os mais verdadeiros.

Uma delas é a Emily Skye, que faz imensos vídeos com exercícios que podemos até fazer em casa, colocando mais fotos de pessoal que seguiu o seu programa do que suas. Contudo, quando coloca fotos da sua pessoa, coloca-as como avisos. 
Por exemplo, a primeira foto ela explica como uma pose pode modificar a forma como vemos o nosso corpo. Ela tem uma verdadeira barrinha de chocolate como abdominais mas mesmo quando se senta tem um "rolinho"... porque isso é normal! Ou então mostrando a diferença de a sua aparência normal com uma foto em que está maquilhada e com o cabelo arranjado.
O post que me deixou de queixo no chão e o que me levou a segui-la foi o post sobre o "síndrome de barriga inchada", que nos assalta infelizmente uma vez por mês... mostrando duas fotos suas no mesmo dia, mostrando a diferença e como isso é, outra vez, normal.

Além de que ela avisa sempre os seus seguidores a terem objectivos realistas, a manterem-se saudáveis, nada de dietas malucas e para terem os devidos cuidados quando estão a fazer exercício. E é assim que deve ser!


18 de novembro de 2016

Normal


Sempre que vou a Camden, é uma verdadeira desgraça para a carteira, LoL. Aqui fica mais uma das aquisições...

16 de novembro de 2016

A casa na montanha



Ultimamente, nas últimas semanas, naquele momentos de sossego ou de alto stress e tu procuras algo do género de uma âncora dentro de ti, a minha mente divaga sempre para o mesmo sítio...

Para explicar a quem não me segue há muito tempo, há 5 anos tive simplesmente uma das melhores passagens-de-ano de sempre! Super simples... o nosso grupo alugou uma casinha de turismo rural no topo do Alvão. Com tudo o que uma casa precisa, menos internet (pois era no meio de nenhures) mas tinha uma maravilhosa salamandra e um anexo ligado à casa com toda a lenha que podíamos queimar. 

Sei que estou a explicar muito por alto mas é uma daquelas situações em que transcende descrições pois é uma casa no meio da montanha, perdida no meio de nenhures, que para lá chegar era preciso um transporte com tração às quatro rodas mas com os nossos bolinhas lá chegámos na mesma, LoL. Com os teus amigos mais próximos, comidinha feita por nós, jogos e música nas alturas, não esquecendo com a salamandra sempre com o máximo de lenha para nos mantermos quentes.

O silêncio, a paisagem à nossa volta, as luzes da cidade lá em baixo durante a noite... existe uma palavra em inglês que transmite o que senti nessa casa: bliss.
Uma tranquilidade tal, que se calhar é precisamente isso que eu preciso de sentir novamente.

Gostava de voltar a alugar aquela casa... pena já não estar disponível.

14 de novembro de 2016

Who will fix me now?



What doesn't kill you makes you wish you were dead.
Got a hole in my soul, growing deeper and deeper.
And I can't take one more moment of this silence.
The loneliness is haunting me.
And the weight of the world's getting harder to hold up.

It comes in waves, I close my eyes.
Hold my breath and let it bury me.
I'm not okay, and it's not alright.
Won't you drag the lake and bring me home again?

Who will fix me now? Dive in when I'm down?
Save me from myself, don't let me drown.
Who will make me fight? Drag me out alive?
Save me from myself, don't let me drown.

What doesn't destroy you, leaves you broken instead.
Got a hole in my soul growing deeper and deeper.
And I can't take one more moment of this silence.
The loneliness is haunting me.
And the weight of the world's getting harder to hold up.

It comes in waves, I close my eyes.
Hold my breath and let it bury me.
I'm not okay, and it's not alright
Won't you drag the lake and bring me home again?

Who will fix me now? Dive in when I'm down?
Save me from myself, don't let me drown.
Who will make me fight? Drag me out alive?
Save me from myself, don't let me drown.

'Cause you know that I can't do this on my own...

Who will fix me now?
Dive in when I'm down?
Save me from myself, don't let me drown.


Nota: não sou grande fã de Bring Me The Horizon mas tenho a dizer que adorei o último álbum deles... está muito Thirty Seconds to Mars mas ligeiramente mais pesadito, não acham? 

12 de novembro de 2016

TeaPigs


Com o Outono, vem a época do cházinho!
Sim, eu sou uma pessoa de chá. E desde que vim para o UK, que tentei encontrar chás de qualidade... Encontrei simplesmente a melhor marca de chás de sempre: a Teapigs!

Além de ter imensas escolhas (desde chá de frutos vermelhos, de menta, de pipocas, a rebuçado e até de chocolate) são todos naturais, de grande qualidade e com imenso sabor. Bem, falar é muito bonito mas é a provar que a gente decide de facto se gosta e nota a diferença!

Se são amantes do chá, vão ao site, dêem uma vista de olhos e dá mesmo para encomendar.

10 de novembro de 2016

Um reino de 700


Ontem reparei que chegámos aos 700 súbditos aqui no Reino e há tão pouco tempo chegámos aos 1500 posts
Espero não vos desiludir... só me resta agradecer a quem o tem divulgado, dar as boas-vindas a quem começa a segui-lo agora e quem me tem acompanhado ao longo destes anos. Muito obrigada!

8 de novembro de 2016

Um parabéns especial...



Acabei de regressar de um, excelente, fim-de-semana prolongado em Leiria para festejar o 30º aniversário da Afal
Com toda a honestidade, não consigo escrever nada que consiga expressar ao certo o quão estes fins-de-semana significam para mim... por isso vou deixar as fotos falarem por mim!

Contudo, além de fotos, registamos também as nossas maluqueiras numa salada de hashtags:
#asfestasdaxinhasãopiorqueonatal #vamostodospoinferno #sogentebonitaedepoishaofeiododavid #deusnocomando #chilling #chipsissallad #potatoforlife #storyofmylife #myunallergiccat #thecatsheisnotallergicto #awkawrdismymiddlename #ostentacao #sódormir #umasemanaemeia #oterror #porraeletemocuquente #osalvador #bewarethedevils #normalpeoplescareme #antisociaisasocializar #5anosdepois #istoépiorqueonatal #eusouumgordoemrecuperação #jáfizmaisconchinhacomhomensquetucomatuaex #vamostodosparaoinferno #jáchega #metenojo #metenoijo #zoolanderface #thereasonisit #notduckface #iamnotkyliejennerface #vamostodosparaoinferno #metenoijo #jatoubelhopaisto #tirarselfiesnosupermercado #ostentaçao #Tudocaradebagaço #licenciaturaemhastagging #ahoradomonstrodasbolachas #letsgotohogwardsschoolyearsarebiggerthanweekends #guicheiodesono #joaoenaughtyselfies #corinaemmodowednesday #davidApuxarAgua
#deixaiomenino #naoestouagostardeti #naogostomesmonadadeti #odeiote #epahdeixemme #estecafetemqueserrapido #pao #venhammais30 #émuitopoder #colheitade86 #emplastrescondido #aserquesejaaténosmijarmosarir #velhosincontinentes #naoháfraldaqueaguente n#rasgaioutroquenaoojoao #ariràsgargalhadasnoaeroporto #opessoalpensaquesoumaluquinha #saladadehashtagstobecontinued

6 de novembro de 2016

Crossfire series: One with you



Portanto, saiu o final da saga Crossfire da autora Sylvia Day.  No livro anterior a este, já tinha ficado um pouco desinteressada da história mas como este seria o último livro saga, decidi que tinha curiosidade suficiente para lê-lo. 

Enquanto estava a ler dei por mim a pensar "ainda bem que decidiste ler" até o livro começar a acabar e eu a pensar "a ideia de ler afinal não foi assim tão genial". 

Não que a história não me interessasse mas parece que a acabar o livro ela pegou em todos os clichés, misturou-os todos e bota para a frente! Além de que não gostei do final. Tenho pena porque achei que os livros tinham bastante potencial... 

4 de novembro de 2016

1500 and counting...



Ora bem, este post tem dois propósitos... o primeiro é para celebrar o facto de o Reino completar 1500 posts! Depois de 7 anos, atingimos esta meta e estamos quase a atingir outra a quase a chegar aos 700 súbditos. 
Sei que vai parecer muito cliché mas vou dizer na mesma... obrigada a vocês, meus súbditos, que estão aí desse lado a ler o Reino e a vê-lo crescer! Sem súbditos, não há Reino que valha, eheheheh.

O outro propósito é para vos falar sobre uma colaboração que está em construção... Eu e a On Being Joana numa na desportiva, falámos sobre um ajuntamento de ideias e conhecimento  para a criação de um blog sobre o nosso part-time: "guias turísticos" em Londres. 
Depois de vos ter perguntado, se devia incluir uma rubrica de visitar recantos escondidos de Londres, e de ter recebido tantas respostas positivas... esta colaboração fez muito mais sentido!

Portanto, eu e a Joana estamos à procura de mais pessoas interessadas a entrar neste novo blog sobre tudo o que há para saber sobre o que fazer em Londres... Portanto, se conhecerem alguém ou até mesmo tu, caro súbdito, estás interessado, deixa um comentário ou manda email para: omeureinodanoite@gmail.com

Já agora... que nome acham que o blog devia ter? Ideias?

2 de novembro de 2016

Love, Victoria ♡



Não há, realmente, melhor coisinha que um miminho de nós, para nós! Na verdade, a culpa é das minhas amigas que me viciaram aos maravilhosos cheirinhos da Victoria's Secret... desta vez foi o Such a Flirt e o Romantic. Que delícia! 

E vocês? Conheciam o maravilhoso mundo das fragrâncias da Victoria's Secret?