11 de fevereiro de 2012

Somnium


"Imaginem um cenário vazio, sem paredes e escuro, onde aparece uma figura de luz que se aproxima de mim. Ela é quente, boa, disforme, paciente e com uma voz extremamente doce. Aproxima-se cada vez mais e pergunta:
- Quem és tu?
- Sou a Corina.
- Sim... Mas quem é a Corina?
- Sou eu.
- Sim... Mas quem és tu?
- Sou... Sou...
- Não sabes quem tu és?
- Não sei. Eu sou a Corina, quem mais devo ser?
- Tu própria, ou achas que és só um nome?
- Não sei. Eu gosto da filosofia do meu nome.
- Então, és filosofia?
- Um pouco, sim.
- Há mais?
- O meu nome veio de uma gladiadora.
- És ferocidade?
- Um pouco, sim.
- Há mais, Corina?
- Eu... Eu não sei!
- Tu não sabes quem és?
- Deveria saber? É obrigatório?!
- Sarcástica, irónica...?
- Um pouco, sim!
- Continuas a não saber quem tu és?
- Queres que soletre: eu não sei? Toda a gente sabe quem é? Sou a única?
- Talvez sim, talvez não.
- Eu não acredito. Tretas! Ninguém sabe quem é realmente!
- Porquê? É simples...
- Não, não é simples! Nós estamos sempre a mudar, a toda a hora! De cada erro, retiramos uma lição; de cada evento, retiramos moral ou propósito. Por isso estamos sempre a mudar, a evoluir!
- Resumindo, não sabes quem és.
- De momento, sou o que sou.
- E essa é a resposta certa..."

12 comentários:

Catarina Águas disse...

gostei deste dialogo e acho que todos devemos passar por isso certas vezes na vida para nos reencontrarmos

Catarina Águas disse...

quem sabe. talvez tenha dito aquilo para ver se ou diminuiam a setença ou lhe perdoariam

Angela ;) disse...

adorei *.*

Heartless disse...

Grande conversa. Mas acho que andamos sempre perdidos sobre o que somos realmente. E a caneca não queima.

O mundo de uma sonhadora disse...

Uau,isto fez-me lembrar os diálogos do meu livro de filosofia em que falamos sobre a problemática do conhecimento x)
Tens mesmo jeito!! Está mesmo giro este teu texto :)

Beijinho*

p.s-obrigada pelo teu comentário. E é bom saber que alguém aceita que cada um de nós é diferente :)

Bernardo disse...

BELO POST :D

A Tulipa Azul disse...

Gostei:) Eu até hoje, não sei quem sou:)

Afal disse...

Já tinha saudades ^^

D. disse...

Fez-me pensar esta conversa...

*Nightwish* disse...

Muito fixolas ^^
Bjs*

Inês disse...

Gostei muito deste post, e é verdade. Somos o que somos e pronto.

Patrícia disse...

Adorei! Está mesmo lindo! :)