22 de novembro de 2019

Sestas



Hoje vamos falar de sestas... Eu podia falar-vos do que recomendam mas estaria só a maçar-vos como seria mais do mesmo.

Quero-vos dar o lado pessoal relativamente às sestas. Desde que o Príncipe nasceu que sempre fui muito protectora das sestas dele. No início, claro, um be´be dorme mais mas lentamente vão crescendo, a sesta que fica é a sesta depois de almoço... que para nós é sagradíssima!
Toda a mãe seja ela quem for, ou tenha menina ou menino ou ambos, vai arranjar uma coisa para stressar. A minha foi as sestas, LoL.

Outra mãe pode ser as papinhas, o BLW, posição de dormir, etc etc. Mas o stress que eu escolhi foram as sestas.

Muito honestamente acho que foi porque numa de ler estudos sobre desenvolvimento infantil, li num artigo que uma sesta não dormida era o equivalente ao saltar uma refeição.
Isto nunca mais me saiu da cabeça!

Então desde o início que a sesta depois do almoço era sagrada. Tratava tudo de manhã para que durante a tarde, estávamos em casa a dormir descansadinhos. Contudo, a sesta não era só boa para o Príncipe...
Que levante a mão, a mãe que não lança um suspiro de alívio quando a criança começa a sua santíssima sesta!

Pode aproveitar para ler, tentar arrumar a casa, tomar um banho relaxada ou até mesmo escrever (como estou a fazer agora)!
As sestas são boas, não só para a criança mas também para a sanidade dos pais.


18 de novembro de 2019

The London Tour: Harry Potter Studios & Plataforma 9 3/4

Este vai ser um post mega especial pois, finalmente, vou falar desta atração em Londres... que para qualquer Potterhead é definitivamente um lugar de visita obrigatória!

Gostaria de deixar uma nota de que eu já visitei os estúdios 4 vezes e dessas mesmas 4 vezes a minha visita nunca foi igual... estão sempre a adicionar mais coisas à exposição, além de que ao longo do ano fazem diferentes eventos. Por ter ido já algumas vezes, deixo-vos algumas dicas e conselhos para vocês aproveitarem ao máximo.



Antes de sequer chegarem à porta dos estúdios, para iniciar a vossa tour, convém mencionar algumas coisas importantes, como por exemplo, a compra de bilhetes. A compra dos mesmos é toda feita online e com antecedência (quando digo com antecedência é mal vocês tenham os bilhetes de avião, vão logo ver a disponibilidade de bilhetes no site dos estúdios, senão podem ter um dissabor). Não se esqueçam de imprimir a vossa confirmação de compra para levantarem os bilhetes nos quiosques lá nos estúdios!

Vão ver também que podem comprar os bilhetes, não só para o dia que querem, como também para a hora que querem. Isto porque vocês têm uma hora de entrada, contudo podem ficar lá o tempo que quiserem. Podem lá ficar 8 horas se assim o entenderem mas a exposição, vendo com calma, tirando fotos e aproveitando o que há lá dentro, dá no mínimo 4 horas. Portanto, o que eu fiz foi marcar depois de almoço, do género 14h, o que dá imenso tempo até à hora de fecho e dá tempo para a viagem até aos estúdios.

Além disso, tem também diferentes tipos de bilhetes, que o que difere na maioria é o guia digital, onde têm um ipod que vai dando informação ao longo da vossa visita (que alguma já está nas placas) mas que efectivamente vos vai comer um pouco da visita. Fiz uma visita com esse guia e não achei essencial a um Potterhead fanático... contudo se forem com uma pessoa que não é necessariamente fã de Harry Potter, conselho comprarem esse bilhete com guia a essa pessoa, pois ficam com outra visão desta fandom.

Chegar efectivamente aos estúdios, se estão no centro de Londres, é preciso irem em direcção à estação Watford Junction e fora da mesma há uma paragem de autocarro (extremamente bem sinalizada), onde apanham um autocarro privado dos estúdios, que só faz essa viagem (estação-estúdios) e está sempre a correr de 20 em 20 minutos. Precisam é de pagar 2 libras e meia pelo bilhete de autocarro que já incluiu o regresso para a estação!

Lá nos estúdios têm um refeitório com comes e bebes mas podem levar a vossa comida à vontade. Ainda antes de entrar para a exposição, se por acaso estão à espera da vossa hora de entrada, podem dar uma volta pela gift shop e perder a cabeça... Sim! Perder a cabeça, literalmente! Tem imeeensa coisa!
O meu conselho pessoal é vocês darem uma vista de olhos no início e só no final comprarem para terem tempo de pensar nas asneiras e no tombo que vão fazer, LoL.
Agora, vocês entraram efectivamente na exposição... Que eu vou ser simpática e não vos fazer spoiler de como efectivamente vocês entram. 
Chegam então a esse momento mágico de fisicamente verem pedaços de Hogwarts, ver adereços específicos dos filmes, estarem no meio do Great Hall... Tenho um grande conselho, sentem-se e respirem. Eu comi esse erro, quase fiquei roxa de excitação e tive um ataque de asma misturado com um ataque de choro, LoL. Portanto, se são Potterheads como eu, sentem-se  e absorvam o choque inicial.

Depois desse choque, tirem imensas fotos, leiam as placas com informação específica, apreciem a arquitectura, os engenhos, o guarda-roupa, sets e muito mais, pois tudo que está ali foi usado e especificamente feito para os filmes. Que muito honestamente só indo aos estúdios é que tive a noção do quanto trabalho está nos filmes! Coisas como jornais e livros que foram feitos e desenhados à mão...

É vos dito logo no início que podem tirar todas as fotos que vocês quiserem, por isso levem baterias extra e espaço suficiente nos cartões de memória pois acreditem que vão tirar mesmo muitas!

Vão passar pelo Great Hall, pela Common Room de Gryffindor, o grande relógio, o escritório da Dolores Umbridge, o Ministério da Magia, a casa dos Weasley, o Knight Bus, o escritório de Dumbledore, Privet Drive, o comboio e até mesmo uma representação da plataforma 9 e 3/4... Por isso, acreditem, vai envolver muitas fotos!

Além das vossas fotos, podem também tirar fotos a andar de vassoura mas isso é extra e têm que pagar. Acho que fica uma foto por 15 libras mas eles fornecem-vos a capa e cachecol da vossa equipa para vocês estarem mesmo a preceito.

A qualquer altura da vossa visita vocês podem dirigir-se ao staff e fazer perguntas! Até mesmo perguntas sobre adereços ou coisas usadas nos filmes, ou seja, sobre a exposição em si. São todos qualificados para vos dar dicas e até informação que não faziam ideia. Há bastante staff que foi figurino no filme e isso é brutal pois dão-vos uma ideia do que foi estar nesse meio!
A meio da exposição têm uma área de comes e bebes, onde podem fazer uma pausa para descansar as pernas (e o dedo de tanto tirarem fotos, LoL) e experimentar a famosa Butterbeer! Que agora além de ter a cerveja em si (que não tem álcool) tem também gelado de Butterbeer... portanto se não quiserem beber ou se gostarem mesmo muito, podem ir para a fila outra vez e pedir um geladinho. Não vos consigo explicar a que sabe a Butterbeer, vão ter mesmo que experimentar, LoL.

Depois da pausa e da zona de restauração, vão entrar na zona dos efeitos especiais, da criação de adereços para os filmes, onde podem ver até como funcionam... onde são recebidos nessa zona, por um cumprimento de um certo e determinado Hipogrifo. 

A seguir a essa zona, que algures vai ter a Floresta Negra também, entram na Diagon Alley e o Banco de Gringotts, que tem as lojas em imenso detalhe, incluindo a Weasleys’ Wizard Wheezes que tem efeitos brutais! É engraçado estar a passar por esta zona e ter mesmo a sensação de estar a andar numa rua pois é mesmo essa a sensação que dá, pedras no chão incluídas. 

Após perderem a cabeça ali pelo Ollivanders, vão passar na zona de arte e arquitectura. Isto é, onde estão afixados quadros de representações de personagens ou sítios no mundo de Harry Potter. É onde está o meu quadro favorito de um Death Eater (se por acaso forem fazer a visita aos estúdios, tirem foto ao lado desse quadro e me identifiquem!).

Tem também as maquetes do navio de Durmstrang, da carruagem de Beauxbatons, de Hogsmeade... até ao momento em que se vocês ainda não tiveram um ataque cardíaco ou um ataque de choro, é nesse momento!
O momento em que vocês estão frente a frente a Hogwarts e mais não digo. A primeira vez que fui aos estúdios senti as lágrimas a correrem de tão lindo que é, parei uns minutos a absorver tudo pois é literalmente o culminar da nossa imaginação virar realidade.

A seguir a Hogwarts, vocês vão-se deparar na parte de dentro de Ollivanders com as varinhas todas. Aproveitem para tirar as últimas fotos pois depois disso, não podem voltar atrás pois a vossa visita terminou.
O final da vossa visita é na loja dos estúdios, onde eu prometi que vocês podiam perder a cabeça, LoL. Tem imensas coisas, desde camisolas, capas, varinhas, cadernos, canecas, doces, emblemas, etc... Vou só avisar que as coisas são ligeiramente caras pois, não se esqueçam, são oficiais. Para vos dar um exemplo, um cachecol de uma das casas custa cerca de 20 libras, contudo vou-vos dizer que as coisas têm uma qualidade incomparável. 

Aconselho a antes de entrarem a terem uma ideia das horas do último autocarro para não perderem a noção do tempo. 

Gostaria também de mencionar que os estúdios além de estarem sempre a adicionar novas exibições, têm eventos especiais ao longo do ano. Por exemplo, em determinados meses do Inverno, há o Hogwarts in the Snow, que faz com que tudo esteja decorado a preceito e tudo esteja coberto de neve (eu já fui e é lindíssimo). Tem também, claro, o Natal e o Dia dos Namorados. E pode ter também os eventos específicos, como por exemplo, o a exibição com os actores animais (também fui e só a parte das corujas vale imenso a pena), a exibição de aniversário de algum dos filmes com adereços específicos desse filme em questão e muitas mais...

Isto para dizer o quê? Que aquilo está muito bem feito... já conto que tão cedo não vá parar de evoluir pois com os filmes e o universo Fantastic Beasts, a exibição vai estar sempre a aumentar! Ou seja, se forem este ano e no próximo, muito possivelmente as exibições vão ser diferentes e/ou ter novidades.

Chegando ao final da vossa visita, voltando a casa, levantem as perinhas, façam uma massagem aos pés pois depois de tanto andar, vão mesmo precisar, LoL.
Mas não têm a oportunidade de comprar os bilhetes para os estúdios ou não têm um dia para disponibilizar para esta exibição? Tenho uma solução! 


Podem sempre visitar a Plataforma 9 e 3/4 na estação King's Cross! Na plataforma, vai haver fila portanto podem ter que esperar uns minutos para poderem tirar a foto. Está lá sempre uma pessoa a ajudar, com os cachecóis de cada casa. Podem tirar foto com a vossa máquina mas uma pessoa de lado está a tirar, para que se vocês quiserem, ficarem com uma foto oficial, que podem levantar e comprar na loja.

Além de terem o trolley com a placa na parede para tirar foto, têm também a loja, onde também vende as coisas oficiais de Harry Potter. Não tem tantas coisas como nos estúdios mas tem na mesma uma grande escolha.


Vocês gostavam de visitar os estúdios? Ou até mesmo a plataforma em King's Cross? Ou não acham que seja importante, numa visita a Londres?


Harry Potter Studios - estação: Watford Junction
Plataforma 9 3/4 - estação: King's Cross

Post anterior: The London Tour - Camden

16 de novembro de 2019

Mythos series


Estava mortinha por ler este do famoso Stephen Fry! O fantástico é que além do livro, eu complementei com o audiobook também... que é narrado por ele.

Quanto ao livro em si, Mythos é como que um recontar dos contos da mitologia grega, com uma narrativa coerente e fluída desde a criação dos deuses à história do Rei Midas. Na terceira pessoa, o senhor Fry explora estes mitos com humor e relembrando-me do porquê de eu adorar lê-lo: o storytelling. 
Além disso, lembrou-me também, o porquê de eu gostar tanto de mitologia grega e de ser a minha favorita! Pois os deuses não são seres perfeitos, têm os seus defeitos, têm os seus problemas, também se apaixonam (a lot!), também se chateiam, também se magoam, etc. Ou seja, são bastante humanizados.  

A linguagem de Stephen Fry e a forma como reconta estes mitos, torna este livro aceitável para qualquer idade (tendo sempre em consideração que a mitologia grega envolve certos e determinados actos explícitos, LoL). Pessoalmente, até fico com pena de este livro não ter existido quando eu estava a estudar esta mitologia na escola! 
Claro que podemos discutir o quão fidedigno é o livro em termos do seu estudo dos mitos mas a verdade é que o autor incluí a discussão de que há diversas variações em certos mitos. Por exemplo, o mito de Hades e Persephone, na literatura mais antiga diz que ela foi para o Submundo por vontade própria, contudo o mito foi evoluindo ao longo dos tempos pois raptos que geravam casamentos tornou-se a norma na Antiga Grécia, havendo assim várias versões deste mito, por exemplo.
Sendo assim é natural que ele não incluísse todas as variações, incluiu sim as versões que ele mais gostava ou achava adequado.

Acho que a única crítica que tenho a fazer a este livro, é o facto de não ter um index ou algo do género de forma a encontrar algum mito em específico. Por exemplo, se eu estivesse a ler Lore Olympus e quisesse tirar uma dúvida, bastava ir ao livro e voilá. Mas não tendo, torna-se um pouco difícil... Contudo, acho que isto sou eu a ser picuinhas, LoL.

O que acham deste tipo de livros? Vocês gostam de mitologia? Qual é a vossa favorita?


P.S. - Não se esqueçam de passarem no Instagram do Reino para verem o vídeo desta book review!

12 de novembro de 2019

I am the Queen of this Kingdom



Estou super ansiosa para vos mostrar o resultado desta colaboração com a Sara de @scattidiumore. Para quem me segue há algum tempo, sabe que de vez em quando tento sair da minha zona de conforto e fazer uma photoshoot a solo estava na minha lista. E o que acontece quando duas pessoas com visões artísticas parecidas se juntam? Resulta nesta photoshoot fantástica!

10 de novembro de 2019

Classificação no Goodreads

Eu acho que nunca mencionei isto no blog mas a classificação do Goodreads chateia-me um bocado. Acho que cada Leitor Compulsivo tem um sistema de classificação diferente mas a minha passa por:
1 estrela - livro abandonado ou que não gostei mesmo. 

2 estrelas - "naquela", ou seja, não me aqueceu nem arrefeceu.

3 estrelas - foi uma leitura agradável.

4 estrelas - gostei imenso do livro.
5 estrelas - arrebatou o meu mundo.
Contudo, eu acho que o Goodreads devia deixar colocar meias estrelas. Acredito que isso fosse um pesadelo para o "average rating" mas ajudava imenso na classificação dos livros.
Por exemplo, tenho lido livros muito bons mas que não me arrebataram ou falhava num detalhe e por isso mesmo gostava de dar 4.5 estrelas. 

Eu acredito que não estou a dizer nada de novo... Mas isto está genuinamente a chatear-me. Porém. eu sei que a classificação do Goodreads vale o que vale pois como até podemos ver pelo bookstagram ou booktube, pessoas diferentes vão ter opiniões literárias diferentes.

Ler é subjectivo. Nem toda a gente gosta do mesmo género literário e nem toda a gente vai pensar o mesmo do mesmo livro. 
Então a classificação acaba por ser muito pessoal...  daí, pessoalmente, achar que as meias estrelas fazem falta.

O que é que vocês acham? Como é que é a vossa classificação?

8 de novembro de 2019

Visita à Xinha

Nesta última ida a Portugal, aproveitamos para visitar a The Phoenix Flight, que resultou num fim-de-semana de muita conversa e até alguns vídeos!



Este primeiro foi quase mal chegámos pois eu já não aguentava ter as prendinhas todas na mala. A coisa boa de fazer este unboxing sem box é que podia ver a reacção dela ao vivo!




E este último, foi um tema que guardei no meu caderninho durante meses para poder debater com a Xinha... este vídeo é resultado de uma das nossas conversas pois como grandes amigas, nenhum tema é proibido!

O que acharam dos vídeos? Gostariam de ver mais com nós as duas?


P.S. - Vejam também o nosso vídeo anterior: Q&A com a The Phoenix Flight.

6 de novembro de 2019

Multitasking


Para quem estuda ou é entusiasta de anatomia humana, sabe que uma das diferenças entre mulheres e homens é o corpus callosum, que é essencialmente uma característica do nosso cérebro, que como que unifica as duas metades... e é mais grosso nas mulheres, o que muitos estudos dizem ser a explicação para o facto das mulheres serem mais eficientes em multitasking.
Vocês não sabem mas eu sou um bocado preguiçosa, então devido a isso, eu adoro multitasking, aquela clássica de estar a cozinhar, a lavar loiça, meter roupa a secar e limpar bancadas, isto tudo ao mesmo tempo. 

Por isso quando a Bárbara me abriu as portas para o mundo dos audiobooks, eu não saltei, eu atirei-me por completo pois adorei!
Como vocês sabem, eu não estava a conseguir ler muito pois com o cuidar da casa, cuidar do Príncipe e o trabalho, muitas vezes os momentos de calma, eram passados a descansar. Então não estava a conseguir avançar muito nas leituras...
Com os audiobooks, consigo fazer multitasking! Posso estar no supermercado, a limpar a casa, a passar a roupa, a conduzir... e eu ali a ouvir um audiobook ao mesmo tempo.

Adoro tanto que vocês não têm noção!

Já antes gostava de ouvir podcasts por isso a transição para audiobooks foi super natural. Claro que ler tem sempre um gosto especial, eu não perdi o gosto pela leitura mas para quem gosta de aproveitar todos os bocadinhos, mesmo quando está a fazer outras coisas, é mesmo o ideal.

Vocês gostam de audiobooks ou não é um formato que considerem? Ou costumam ouvir podcasts? Ou simplesmente música?