28 de outubro de 2011

Ódio de estimação n.º 18


Tratar os filhos por você.
Ninguém tem nada a ver com a maneira como cada um interage com os filhos ou pais, o que não invalida que tenhamos uma opinião sobre o assunto. E confesso que me faz uma tremenda confusão quando oiço uma mãe ou um pai tratar os filhos pequenos (ou grandes, tanto faz) por "você".
Não percebo, a sério que não. Pois mesmo que me digam que significa respeito, já vi pessoal muito mal-criado e desrespeitador que trata os pais por você. Não será com certeza esse o factor principal...

33 comentários:

Tanita disse...

Ui a mim dá-me cá uns nerbios, só em apetece gozar e chamar nomes a essas pessoas.
Bj** e bom fim-de-semana

Pollykc disse...

também não gosto... é demasiado estranho...

Heartless disse...

Eu trato os meus pais por você (não mesmo por vossa, mas sim na terceira pessoa.)

Todos os meus irmãos assim o fazem tambem. Creio que é uma maneira diferente como se é ensino na maneira como respeitar os outros.

E sim, posso ser uma besta desrespeitadora, mas os meus pais estão acima na hierarquia da nação e ninguem merece mais respeito que eles.

Ervilha Coscuvilha disse...

Concordo! Não é no você que as coisas vão mudar, não é um você que vai impor o respeito necessário.

Candybabe disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Candybabe disse...

Fui educada a tratar os meus pais por você, mas a mim nunca me trataram por você (vá lá, porque isso tirava-me do sério!!!!), confesso que detesto este "você", porque não é por isso que os vou respeitar mais, mas são de outra geração e respeito... um dia que tenha filhos vou banir o você...

Haru. ミ☆ disse...

Oi, flor. Passando pra avisar que tem sorteio de template para blogger no meu blog. Se gostar participa! <3 :)

http://boneca-francesa.blogspot.com

Candybabe disse...

Respondi no meu cantinho... ;)

Anne DeLune disse...

é verdade,.. de respeito sobra muito pouco,.. já ouvi cada conversa !

quanto à camisola, por acaso acho q só há em verde e azul,.. mas é possivel que venha a existir! a zara as vezes vai adicionando outras cores do mesmo modelo à colecção! :D


beijinho**


http://suddenserendipity.blogspot.com

SuperSónica disse...

Que ridículo, e quando os animais também são tratados por você??? Tiazecas do caraças!

Afal disse...

As minhas tias tratam os pais por vocês, tal como muitos de vocês tratam assim os pais, mas não é a isso que a Corina se está a referir.

Por acaso, faz-me imensa confusão ouvir os pais tratar os filhos por você. Chega a fazer comichão. Independentemente do motivo, acaba sempre a soar a snobismo, a quererem parecer da alta, pessoas muito chiques e que estão acima dos pobres e comuns mortais. E isso não é sinal de respeito, é sinal de peito inchado.

Secret disse...

Confesso que também me faz um pouco de confusão, tratar os pais por você ou eles tratarem os filhos dessa forma...
Dá a sensação que querem manter um certo afastamento, pode ser uma ideia errada mas é o que penso...

*Sininho* disse...

Também me faz alguma confusão... parece que cria distanciamento entre pais e filhos...

patrícia disse...

Também não gosto! Acho que fica a faltar aquela intimidade na relação pais-filhos, que fica a faltar aquela confiança que faz tanta falta.
Sempre tratei os meus por tu, sempre me trataram por tu e, se um dia tiver filhos, é assim que quero que me tratem.
Você é para a senhora da mercearia.

Estudante disse...

Concordo plenamente contigo! :)

PS: agora já percebi o porquê do teu "weird" no comentário... :P és enfermeira!

Liliana Pinto disse...

Modernices da dita socialite

Catarina Silva disse...

é uma coisa que também não percebo mesmo!!

Ana disse...

Este tipo de coisas não me fazem muita confusão porque acho que tem tudo a ver com que questões de educação, ou pelo menos assim deveria ser. Cada um sabe como deve tratar os filhos e como se sente bem que eles o tratem. Provavelmente fazem aquilo que fizeram com eles, não sei. Eu própria trato, à partida, as crianças por você. Vá lá saber-se porquê, é assim que estou habituada.

vanessa disse...

horrível, horrível! como detesto isso***

Sara Silva disse...

Muito obrigada minha linda, um óptimo fim-de-semana para ti, beijinhos!

Katie disse...

Concordo contigo! Não faz sentido nenhum! Beijinhos*

kishikiari disse...

sinceramente tratar por você entes queridos é coisa que não me assiste

FashionSisters disse...

Acho mesmo ridiculo isso !


Participa no 1ºGiveaway do meu blog:http://fashionsisters-fashion.blogspot.com/2011/10/1-giveaway.html

Catiiiii disse...

AHAH , tens toda a razão , é horrível quando vez os pais tratarem os filhos por você . Se estamos a falar de adultos , apesar de fazer confusão , ainda é naquela . Agora crianças... Credo , que terror ! xD

Obrigada pelo apoio :) Espero que também tenhas um óptimo fim de semana +.+

Maria disse...

Não podia concordar mais!
Faz-me cá uma especie, fogo. Se não podemos tratar os nossos próprios pais por tu, quem podemos tratar por tu afinal?

Beatriz R. disse...

Também não gosto. E faz-me sentir desconfortável!

Jaci Rocha disse...

Oi,Corina! Acho que essa questão de tratamento,depende da cultura familiar desenvolvida. O importante é cultivar o respeito nas atitudes...
Quero te seguir,mas não encontrei o link.
Me indica onde? Beijo grande.=*

Rita Super-Mulher disse...

São manias :S

O Profeta disse...

É com “Palavras” que pintarei sonhos
Navegarei mares, voarei sobre o azul do Mar
Aqui virei com elas pintadas de ternura
Aqui dexei um pouco do meu sonhar

Foi um gosto aqui passar


Terno beijo

*Nightwish* disse...

Também não acho piada nenhuma, mas há muita gente a tratar os pais por "você", porque foram ensinados assim, já que antigamente era assim. Mas o normal é os pais tratarem os filhos por "tu", excepto as tias de cascais para os filhos (que têm tudo e por isso estão) habituados à má vida...
Bjs*

às 27h no meu blog disse...

Concordo! É estranho nunca os meus pais me trataram por você nem eu a eles e no entanto nunca houve falta de respeito por parte de ninguém.
Espero que tenhas tido um fim se semana melhor que o meu :) beijinhos**

M a f a l d a disse...

Pode crer! :) *

W a l k e r * disse...

É realmente uma coisa que também não aprecio, de todo. Beijinho*