30 de abril de 2016

Infidelidade


Este post provém depois de ter visto um filme sobre traições (The Other Woman) e a minha questão é: porque raios quando o pessoal que é traído, dá porrada de meia-noite à "outra" ou ao "outro"?
Mas isto é em todo o lado: filmes, séries e afins... porque é que se lançam como se não houvesse amanhã contra a outra pessoa, em vez de dar um bom par de estalos a quem o/a traiu?

Alguém que me explique...

15 comentários:

Sofia disse...

Ora aí está uma coisa que me apoquenta há muitos anos! Nunca percebi a cena de um homem casado trair a mulher e a amante ser a única acusada de tudo e mais alguma coisa. Ou o amante. Não são eles que são casados... enfim =p

Dinis disse...

Boa pergunta.

Denise disse...

Exato, a culpa não é do/a amante, que muitas vezes também é enganado! A culpa é de quem trai!

Aninha Ferreira disse...

um bom tema para pensar...

Cynthia disse...

Pois. Por acaso, pergunto-me o mesmo, ahah. Mas lá está... isso não é só na ficção. É o que acontece na vida real. Se eu passasse por isso, obviamente que o q me ia magoar era a traição por parte da pessoa q estivesse cmg, essa é que tem um compromisso assumido para respeitar, não a terceira pessoa. Mas acho que é inevitável pensar logo cobras e lagartos "da outra" :P

Mia disse...

Concordo plenamente contigo! Se fosse traída, simplesmente viraria costas à pessoa, ahah.

Raspberry disse...

Penso igual.

Andreia Morais disse...

Ora aí está uma boa questão!

Mia disse...

Fico mesmo feliz por saber que gostaste do meu texto. :)
Mal posso esperar por ler mais posts teus eheh ^^

Alexandra Soares disse...

Boa questão! E já agora, também sou portuguesa em Inglaterra!Cada vez somos mais!

Inês Silva disse...

obrigada pelo comentário <3
é uma bela questão, também não entendo :/

www.pinkie-love-forever.blogspot.com

Sara com Cafe disse...

nao consigo explicar, somente sentir.

Joana disse...

Ui... Assunto difícil... Acho que a pessoa traída perde o discernimento algures e depois fica difícil ver com objectividade e distanciamento qual a atitude mais correcta que deveria tomar. Eu consigo entender de certa forma esse comportamento desenfreado. Agora que os filmes e séries exageram sempre nas cenas de porrada, lá isso também é verdade, e acho demais... Mas pornto, serve para entretenimento :-)

Guida disse...

Ainda há bocado estava a debater esta questão com malta amiga, a propósito do novo CD da Beyoncé (blhec!) que toda a gente aplaude. O marido é um pulha, mete-lhe os palitos e as outras é que são as más. Depois, ainda se desfaz em vénias ao senhor seu marido, que ai-ui-gosto-muito-dele. E que tal ter um bocadinho de bom senso e amor próprio? Das duas, uma: ou não perdoa (eu creio que não há recuperação de confiança possível num caso destes) ou, se perdoa, não passa a vida a infernizar o juízo nem ao marido nem às outras. Olha que gaita!

disse...

Faço-me a mesma pergunta cada vez que vejo uma cena assim!