12 de novembro de 2009

Sala de cinema: The Soloist


É um filme triunfante sobre o falhanço.O Solista é bastante oportuno, pelo menos para mim, pois estou a estagiar em Psiquiatria e consegui identificar muitos sintomas muito bem representados pelo sr. Fox. Só isso é um grande ponto positivo, pois a representação do sr. Jamie Fox, foi excelente, conseguindo representar um doente esquizofrénico (descompensado) na perfeição.De resto a história não é nada de mais, um músico que era do topo e foi parar à rua, tendo depois uma segunda oportunidade, com todo o seu talento e ambição. No entanto, é a forma como é abordada a história, a forma como nos é apresentada que faz com que este filme seja muito bom de se ver.Outra coisa importante talvez de referir, seja a forma como os sem-abrigo vivem nos EUA. Realmente, uma facadinha…

1 comentário:

Ângela disse...

tb gostei imenso.
como tu dizes, não é UAU, mas vê-se bem.
o que é mais de admirar é mesmo a representaçao do senhor Fox, não admiro muito mais.

bjs :)